Início > Comportamento Animal > Comportamento Canino > Porque é que os cães vivem menos que as pessoas?
Comportamento Canino

Porque é que os cães vivem menos que as pessoas?

porque é que os cães vivem menos que as pessoas

Porque é que os cães vivem menos que as pessoas? Uma questão muito pesquisada na Internet, talvez devido à dificuldade de aceitar este facto. Não é fácil saber que o nosso companheiro terá uma vida curta, e muito mais complicado será se não percebemos a verdadeira e simples justificação para tal. Embora não seja aquilo que pretendemos ler, a resposta é bastante simples.

Porque é que os cães vivem menos que as pessoas? A resposta é simples. Devido a factores genéticos e ao metabolismo acelerado. Se pensarmos nesta questão com calma, iremos recordar a rapidez com que o nosso cão cresceu. Só este simples facto leva-nos à resposta que procurávamos. Os cães ao desenvolverem-se tão rápido, infelizmente, também envelhecem rápido.

Lembre-se que uma cadela consegue reproduzir por volta dos 6 meses de idade e essa gestação dura cerca de dois meses. Logo aí verificamos a diferença entre o desenvolvimento dos cães e dos humanos. Para além disso o metabolismo dos cães é muito acelerado em comparação ao das pessoas. 

A longevidade dos nossos cães. A diferença entre raças de porte pequeno e grande

Mas as pessoas não pesquisam apenas “porque é que os cães vivem menos que as pessoas?” quanto à longevidade dos amigos caninos. Outra das pesquisas comuns é “se os cães de porte grande vivem menos que os de porte pequeno?”. A resposta a essa questão é sim. Os cães de porte grande vivem menos que os cães de porte pequeno. Isto por os cães de porte pequeno desenvolvem-se ligeiramente mais devagar que os cães de grande porte. Novos estudos indicam que o número de radicais livres em crias de porte grande é maior, do que em crias de porte pequeno. Tudo isto devido ao crescimento acelerado. O facto é que um cão de porte pequeno pode viver entre 15 a 20 anos hoje em dia, e um cão de porte grande vive entre 10 a 15 anos.

Embora os números não sejam aqueles que os donos querem ouvir, a verdade é que na última década os cães e os gatos passaram a ter mais dois anos de esperança média de vida. Com uma boa alimentação, cuidados veterinários regulares e exercício físico, os nossos animais vivem com mais qualidade de vida durante um período de tempo maior. No futuro a ciência estará mais desenvolvida e provavelmente os nossos animais irão viver mais tempo. Até lá temos que entender que a sua vida é curta, por isso devemos proporcionar-lhes os melhores momentos possíveis na nossa companhia.

Se gostou deste artigo, provavelmente irá gostar de “Porque é que os cães…?”

Veja mais artigos sobre o comportamento canino aqui.

Faz Parte da Nossa Comunidade 🙂
0

Sobre o Autor

ODonoCuida

Deixe-nos um Comentário

Clique aqui para deixar um comentário