Início > Comportamento Animal > Como Treinar o Cão > Reforço positivo: Adestramento Canino Nível 1
Como Treinar o Cão

Reforço positivo: Adestramento Canino Nível 1

reforço positivo

Para donos iniciantes a educação e o treino do seu cão pode ser um verdadeiro desafio. Cada vez mais ouvimos falar nos treinos de reforço positivo canino, mas na maioria das vezes acabamos por não efectuar o adestramento da forma correcta. E quando o nosso cão não está a associar aquilo que pretendemos começamos a ficar frustrados. Como nem todos os donos têm possibilidades financeiras para inscrever o seu cão numa escola, deixamos aqui alguns conselhos de como efectuar um adestramento positivo de forma correcta.

Reforço Positivo Definição:

O reforço positivo envolve a adição de um estímulo de reforço na sequência de um comportamento. Este estímulo faz com que seja mais provável que esse comportamento ocorra novamente no futuro. Quando existe um resultado favorável, a resposta ao comportamento particular é reforçada. 

Nota: O reforço positivo pode ser aplicado em humanos e animais.

O que significa o treino de reforço positivo canino?

Existem vários métodos de adestramento canino, mas o mais apreciado por todo o mundo é o reforço positivo ou adestramento positivo. Neste tipo de treino, o ambiente do animal e do treinador deve ser calmo e harmonioso. A aprendizagem do animal é feita através de métodos que não utilizam qualquer agressividade e não existe a necessidade de corrigir os maus hábitos do animal com repreensões. A filosofia deste treinos é reforçar de forma positiva, através de várias repetições, a execução correcta de comandos e comportamentos que pretende do seu cão. Este método de treino é eficaz na maioria dos casos, no entanto o treino deve ser mantido ao longo da vida do animal.

reforço positivo

Princípios básicos do adestramento positivo canino:

  • Recompensa imediata nas primeiras sessões

Dentro dos treinos de reforço positivo podemos verificar que os treinadores usam métodos diferentes. No entanto quando começamos a treinar um cão pela primeira vez, seguindo a filosofia do adestramento positivo, devemos ter consciência que a recompensa deve ser dado ao animal no instante que ele cumprir por completo o seu comando. A não ser que esteja a ensinar comandos mais complexos, em que o reforço é usado de forma ligeiramente contínua. Nos comandos “senta” e “deita”, que normalmente são os primeiros a serem ensinados, a recompensa deve ser dada de forma imediata após a conclusão do comando.

Nota: Evite ter as recompensas (biscoitos, petiscos e comida) expostas ao olhar do cão. Coloque estas numa bolsa e retire apenas uma na hora de dar o reforço positivo. Não recompense o animal antes de ele concluir o comando. Lembre-se que os animais aprendem por associação e repetições.

  • Os comandos devem ser curtos e sem falas no meio

Quando começamos a treinar o nosso cão temos um péssimo hábito de falar em demasia com ele. No adestramento positivo o excesso de falas só prejudica o treino. Use comandos de apenas uma palavra para ensinar o seu cão, como “senta”, “deita”, “fica”, “junto”, etc. Tente não usar mais nenhuma palavra para além do comando escolhido para o treino. 

Nota: Use apenas o “senta” em vez de “senta aqui linda, isso, senta…”. 

  • O sucesso está no número de repetições diários sem frustrações

No adestramento positivo a chave do sucesso está nas repetições diárias. Lembre-se que os animais não conseguem estar atentos e focados por muito tempo. Por isso evite sessões de treino longas. Treine o seu cão cerca de 15 minutos todos os dias. Mais vale parar o treino mais cedo se este tiver a ter bons resultados, do que terminar os exercícios com ele a não responder aos comandos devido ao cansaço mental. 

Nota: Ensine o seu método de treino ao resto da família. Desta forma sempre que não estiver em casa para o treinar, a sua família poderá fazê-lo. Para além disso é uma excelente forma do animal criar laços com todos os membros da família.

reforço positivo

Dicas para um treino de sucesso

  • Crie o máximo de experiências positivas ao longo da vida do animal. Se o seu cão associar a maioria das experiências a algo positivo os treinos serão mais fáceis.
  • Cuidado para não reforçar comportamentos indesejados. É muito comum os donos que não têm muita experiência reforçarem comportamentos indesejados sem se aperceberem disso. Ex: Quando o nosso cão ladra para chamar a nossa atenção e consegue tê-la, quer seja a pegá-lo ao colo ou a ralhar com ele estamos a recompensá-lo com a nossa atenção. Se está a treinar e educar o seu cão deve analisar as suas acções. Leia sobre estes temas para perceber o que pode estar a fazer de errado.
  • Varie as recompensas durante os treinos. Nem todos os cães reagem da mesma força às recompensas, principalmente em ocasiões diferentes. Um cão pode em casa treinar os comandos apenas com biscoitos, mas na rua não reagir da mesma forma a estes. Os brinquedos são bons substitutos ao ar livre. Sempre que o seu animal seguir o seu comando atire a sua bola preferido ou o seu frisbee. 
  • Caso o seu cão esteja completamente distraído com outros factores externos (cães, pessoas, sons, veículos, etc.) deve usar uma recompensa diferente de todas as outras. Pense em algo que o seu cão fica completamente obcecado, se for comida deve ter um cheiro intenso para captar a sua atenção. Quando ele está focado em algo que não é pretendido, coloque a comida preferida junto ao seu nariz para ganhar a sua atenção novamente. 
  • Nas primeiras sessões tente evitar objectos e sons que causam a distracção do seu cão. Nas primeiras sessões o objectivo principal é ter o seu animal o mais focado possível em si e nos treinos. Evitar distracções pode ser uma excelente ajuda no início.
  • O estado de espírito do seu cão deve ser calmo. Tente não agitar em demasia o seu cão nem excitá-lo com os exercícios. 
  • A paciência e consistência são excelentes armas para o sucesso deste tipo de treino. Lembre-se que os resultados por vezes demoram a aparecer nas primeiras sessões. Mantenha-se positivo, paciente e determinado e o sucesso irá aparecer.

Nota: No início irá usar bastantes biscoitos e recompensas. Conforme as sessões vão passando e o seu cão reagir aos comandos vocais, o número de recompensas irá diminuir. 

Saiba quais são os 12 erros mais comuns durante os treinos de adestramento positivo canino:

 

Exemplo de como ensinar o “fica” a um cão com Adestramento Positivo

 

Veja outros artigos sobre outras formas de adestramento canino aqui.

Faz Parte da Nossa Comunidade 🙂
0

Sobre o Autor

ODonoCuida

Deixe-nos um Comentário

Clique aqui para deixar um comentário